Por que o conteúdo com SEO é tão importante na otimização de sites?

conteúdo-com-SEO

Muito se ouve falar sobre essa abreviação da expressão em inglês “Search Engine Optimization”, que nada mais é do que otimizar os sites para trazer melhor ranqueamento nos mecanismos de busca, como o Google, por exemplo. Essas três letras surgem como forte aliada na estratégia do Marketing Digital, mas ainda deixam algumas questões importantes para os comunicadores em torno disso: como de fato o conteúdo com SEO é importante?

O SEO permite que buscadores, como o Google, o considere como um site relevante sobre determinado assunto e para um público segmentado, desta forma, com uma estratégia acertada que envolve técnicas de programação e conteúdo ele vai ganhando visibilidade espontânea, podendo até chegar nas primeiras páginas de busca na Internet. O que não ocorre com sites que não utilizam essa ferramenta para se destacar no mundo online. Basicamente, o SEO gira em torno de ser “tornar visível”.

Agora que já entendemos, podemos balançar a varinha e dizer as palavras mágicas e tudo estará solucionado. Opa! Não é bem isso.

Para estar bem no ranking de pesquisas orgânicas, ou seja, não pagas, são necessários alguns detalhes, que vamos discutir a seguir. Por enquanto, vamos entender um pouco mais sobre essa ferramenta e seu valor.

Como surgiu o SEO

Era uma vez, em meados da década de 90 (antes mesmo do Google surgir), um grupo de webmasters estavam em seu laboratório de experiências buscando uma fórmula que pudesse divulgar seus sites em sistemas de buscas. Pois, naquela época, para se conseguir isso, era necessário submeter uma URL ou domínio, por meio de um formulário dos próprios buscadores.

Como essa era uma maneira muito rudimentar, os guerreiros webmasters queriam mais.  Depois de muito pesquisar, em 1997 surge o Google e transforma os mecanismos de buscas com: Black hat (penalizações para o emprego de técnicas antiéticas), anualmente e qualidade de conteúdo se torna um dos pontos primordiais, popularidade e confiança por meio de links e qualidade de suas fontes, mas não é só isso, o Google sempre cria novos parâmetros que desafiam os consultores de SEO.

Com essas mudanças, as marcas/ empresas buscaram cada vez mais estar dentro dos padrões estabelecidos pelo Google, padrões esses que mudam quase sempre com a criação de novos algoritmos e regras para levar em consideração não apenas a linguagem de programação dos sites, mas a percepção e experiência dos leitores e internautas em relação a eles.

Qual a importância do SEO?

Imagine que 90% dos 66 milhões de internautas brasileiros estão pesquisando sobre produtos, serviços ou informações todos os dias. E que, segundo o Google, 81 % dos consumidores, antes de efetuar uma compra na loja física, visitam o site para obter mais informações sobre o produto desejado. Conseguiu visualizar tudo isso?

Logo, podemos dizer que a importância do SEO está relacionada em melhor se posicionar nesse mar de sites e serviços que a internet proporciona, ou seja, se diferenciar de seus concorrentes. Essa ferramenta é praticamente indispensável para os negócios, já que cada vez mais, surgem novos empreendimentos que querem sua fatia no mercado.

Como fazer conteúdo com SEO

Antes de começar a sair por aí escrevendo textos sobre tudo é preciso seguir alguns passos. Contratar uma empresa ou consultor de SEO para avaliar a questão técnica do seu site é o primeiro passo (e o mais caminho importante).

Além disso, é essencial desenvolver conteúdo com SEO pensando no seu público-alvo. Busque elaborar uma estratégia de comunicação que permita que o seu leitor, sempre fique instigado a entrar no seu site todos os dias para saber quais novidades você tem para ele. Isso pode ser tanto para o serviço ou produto que oferece, como também, assuntos que rodeiam a rotina da sua persona.

Estudo de palavras-chave e o SEO

Certo! Já sei para quem quero escrever, e agora? Estudar quais as palavras-chave relacionadas ao seu negócio e ao que o seu cliente busca/relevantes é o segundo passo para desenvolver o conteúdo. Algumas ferramentas, como Google Adwords no Keyword Planner, podem te ajudar nessa etapa.

keyword-planner-palavra-chave

Entretanto, pense que as palavras-chave mais buscadas são mais difíceis de conseguir ranqueamento nas primeiras páginas dos mecanismos de busca, porém, devem ser trabalhadas para que o seu site se torne visível. Uma outra dica é usar também termos com menor expressão, o que chamamos de cauda longa (Long Tail), ou seja, criar uma estratégia onde você use tanto as mais buscadas quanto as menos buscadas, mas que tenha um nicho importante para seu negócio e terá mais chances de atingir um público-alvo.

10 dicas gerais de conteúdo com SEO

  • Escolhida a palavra-chave tenha a certeza que ela estará no título, no meta-descripition (aquelas duas linhas que aparecem no Google com no máximo 156 caracteres) e também no primeiro parágrafo;
  • Crie temas que chame a atenção do seu cliente (dicas, listas, contrapontos, curiosidades, diferenciais, sempre chamam a atenção;
  • O número de palavras em um texto é algo muito discutido entre os profissionais da área e não há um consenso, porque tudo vai depender do tipo de conteúdo, mas todos concordam que ele deve ter no mínimo 400 palavras;
  • Desenvolva conteúdo original, nada de cópia e cola do Google, ele sabe reconhecer isso e você pode perder muitos pontos;
  • Não exagere no número de palavras-chave, atualmente o Google já reconhece os sinônimos e utiliza isso como referência positiva para um conteúdo de qualidade, pois sabe perceber quando um conteúdo tem muitas palavras-chave repetitivas e que aquele texto foi feito apenas para ter relevância e não importância para o leitor.
  • Utilize pelo menos um subtítulo no texto e que ele também tenha a palavra-chave escolhida;
  • Muita atenção aos erros gramaticais e de ortografia, mesmo que a palavra-chave mais buscada no Google não tenha acento, mas na língua portuguesa ela é acentuada, use-a da forma correta. Assim como termos sem sentido, por exemplo: preço viagem Canadá, no texto isso fica horrível, é melhor usar Preço de Viagem para o Canadá;
  • Por fim sempre tenha em mente que o leitor é sua ferramenta mais importante, então siga as dicas e escreva pensando nele. Usar as redes sociais, investir um pouco em links ou posts patrocinados também podem ser caminhos interessantes, mas é preciso ter uma estratégia para abastecer esse público e fazê-lo retornar ao seu site em busca de novos conteúdos, caso contrário ele irá abandoná-lo.
  • Publicações constantes e temporais, se determinar que serão dois textos semanais, publique-os sempre seguindo essa estratégia, o leitor gosta de periodicidade.
  • Além disso, use seu banco de dados a seu favor. Se você já trabalha com newsletter, pode programar alguns dos textos para serem enviados aos seus clientes (mas sem exageros).

Bem, escrever parece fácil, mas exige dedicação, pesquisa e linguagem adequada. Hoje há no mercado uma variedade enorme de pessoas e empresas que desenvolvem conteúdo, com todos os preços. Entretanto, é preciso avaliar a qualidade e linguagem usada, se há cópia e cola do Google, se há conhecimento de SEO, entre outras vertentes.

Nós, da Marsi – Assessoria de Imprensa & Comunicação, fazemos esse trabalho com redatores e jornalistas experientes em estratégias de conteúdo com SEO. Se tiver interesse em conhecer um pouco mais do nosso trabalho e portfólio, será um prazer atendê-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>